Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Blade Runner

por Isabel Paulos, em 14.01.21

blade-runner-25.jpg

*

Nesta manhã estava difícil arranjar uns minutinhos para respirar e dizer que, finalmente, vi ontem à noite o Blade Runner. Há anos insistiam que deveria ver e com pouca aptidão para a ficção científica fui sempre adiando. Quem me aconselhava a escolha usava dois argumentos: não é um filme banal de ficção científica e é um hino à vida.

Sem esmiuçar nem recorrer a grandes interpretações e adjectivações confirmo apenas que o valor da vida é a ideia que transcorre todo o filme e está bem patente nos instantes finais, sobretudo, na penúltima grande cena. Apesar do que chamo bonecada e adereços – não levem a mal os amantes dos efeitos especiais, tecnologia e futurologia, bem sei a importância que têm, simplesmente e talvez por ignorância, nunca me impressionam - e dos clichés do cinema de acção norte-americano - todo o filme remete para o essencial: o sentido da vida.

Valeu a pena. Um filme a ver nestes tempos angustiantes.

 



Mais sobre mim

foto do autor




Dose recomendada

Accuradio


Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D