Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Campo de minas

por Isabel Paulos, em 23.02.21

De cedência em cedência, em atenção às constantes críticas dos sensatos, aquele que poderia fazer a diferença, vai-se transformando numa massa amorfa e temerosa enquanto vê vingar a mediocridade e soberba. Apesar de válido e sério, o teimoso sempre em pé convence-se que os reparos de que é alvo acabarão por fortalecê-lo. É falso. Muitas das chamadas de atenção são frívolas, não tendo os autores a menor preocupação em conhecer a natureza e pertinência das razões do alvo da crítica. Tudo quanto sabem e fazem é enfraquecê-lo, por puro desporto recreativo.

Longe do verdadeiro espírito crítico – que não escolhe interesseiramente alvos fáceis para abater nem enaltece os que trazem vantagem económica, social ou reputacional - tudo o que se faz é, ao invés de robustecer quem tem valor, ferir e espoliar a coragem e convicção.

E para cúmulo do cinismo e desfaçatez, findo o processo de extorsão, os iluminados acusam de cobardia o já exausto e eterno desconsiderado. Como se algum dia tivessem conhecido a solidão da razão, apesar de sobre ela dissertarem longamente com grande erudição e nenhuma verdade.

Porquê perder tanto tempo com estes ‘moralismos’ em vez de me limitar a factos objectivos? Queda para o abismo, com certeza.



Mais sobre mim

foto do autor




Dose recomendada

Accuradio


Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D